Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Bofetadas joaninas

por Manuel_AR, em 07.04.16

Bofetada-Soares.png

A polémica instalada com o ministro da cultura João Soares é da sua exclusiva responsabilidade e, sobretudo, inadmissível por parte dum ministro de Estado e tanto mais da cultura.

A atitude de João Soares é mais apropriada a um qualquer arruaceiro ainda que seja uma questão de “palavreado” sem concretização física. Refiro-me, claro está, à oferta das bofetadas por João Soares aos autores de um dos artigos de opinião.

João Soares ultrapassou os limites da decência democrática. Um ministro não deve, nem pode, comentar comentadores ou articulistas de opinião e, muito menos da forma que o fez e através duma rede social como o Facebook. Será que ingenuamente pensava que todos iriam colocar um “like” no seu “post”?

Ele próprio já foi comentador e participou em “frente a frente” em canais de televisão onde adotava uma postura aparentemente democrática. Passando a estar no Governo até parece que os genes da descendência Soares dele se afastaram.

João Soares mostrou não ter o caráter de elevação e o nível político que se exige a um ministro. Parece não compreender que os bons velhos tempos em que esteve à frente da Câmara de Lisboa já não são os mesmos e o escrutínio dos media é mais inflexível. É o tempo de outra postura política que não se conforma com agressividades verbais idênticas à da Primeira República devidas a divergências internas entre os mesmos republicanos, maçons e carbonários que originaram a revolução de 5 de Outubro.

Em alguns debates televisivos João Soares para defender os seus argumentos dizia, “eu não sou maniqueísta”, parece que afinal passou a apostar no princípio dos opostos inconciliáveis - um do bem, outro do mal. Claro que vê-se a ele próprio como o bem.

João Soares em tempo convictamente apoiante António José Seguro tem tomado atitudes, no mínimo já são duas, que colocam em cheque o primeiro-ministro António Costa pela sua escolha. Ele mais parece um menino birrento cujas vontadinhas devem ser satisfeitas e que se dá mal com todos. Ditadorezinhos de tendência como João Soares demonstram fraqueza de espírito político.  

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:09


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.





Twitter