Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Ardilosos, embusteiros e apocalípticos

por Manuel_AR, em 20.04.15

Ardil e embuste.png

 

Este poderia ser o título de um ensaio sobre a arte do ardil e do embuste. Mas não é. É a constatação de factos ao longo de quatro longos anos plenos de enganos e de frustrações para os quais nos deram motivos. Ficamos desconfiados e a suspeita brota como erva daninha e não a conseguimos eliminar por mais que tentemos. Cortamo-la mas, passados meses, volta a nascer plena de força e vigor.

Passo Coelho o seu Governo e as medidas tomadas, falsamente prometidas são como ervas daninhas ora desaparecem com o passar do tempo mas surgem novamente quando chega o tempo propício para o seu desenvolvimento. Como alguns animais que disfarçam a sua aparência para se defenderem dos seus predadores também eles  se apresentam com características miméticas, por conveniência e ou sobrevivência.

A frontalidade, honestidade e seriedade políticas que ainda existia em anteriores governos, com este acabaram de vez.

Os valores que os alimentam e querem passar para o povo através dos seus manipuladores de opinião são a conflitualidade intergeracional; a promoção da divisão entre trabalhadores; o desdém pelos idosos; o pouco apreço pela dignidade do, e no trabalho; o desrespeito pela saúde; o desprezo pela história de Portugal; o culto da subserviência e o seguidismo bacoco pelo poder estrangeiro; o desinteresse pela cultura, considerada como sendo de terceiro plano; a obsessão pelo poder; o ataque e o desprezo pela justiça constitucional; o desrespeito pela educação de todos, privilegiando apenas alguns; a exaltação do individualismo feroz; a opressão e perseguição dos mais fracos e o recuo perante os mais fortes; a desonestidade subjacente nas medidas políticas; a mentira por omissão; a defesa da incompetência dos seus; a exaltação do mérito dos incompetentes que os apoiam; o encobrimento de alguns para os subtrair à justiça e ao ónus da demissão por responsabilidades políticas graves são alguns dos valores que Passos e seus apoiantes têm feito passar para a sociedade desprevenida e enganada.

São conduta política e social do neoliberalismo desregrado deste Governo que é apoiado sem qualquer pudor por Cavaco Silva. Não há ética nem moral, mínima que sejam, nas políticas deste Governo que Passos chefia mas com que os honestos políticos do PSD, ainda os há, se conformam.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:52


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.





Twitter